ES EN
Teatro

Crescendo com Arte do SESI: O Urso com Música na Barriga

Crescendo com Arte do SESI: O Urso com Música na Barriga

E no dia 02 de outubro foi aqui no Teatro do SESI foi o dia do texto de Erico Verissimo, escrito em 1938, continua atual e muito atraente. Aborda temas como intolerância, dificuldade de comunicação e bullying, assuntos muito discutidos nos dias de hoje. Mesmo passado tanto tempo, o “diferente” ainda sofre preconceito e é discriminado na sociedade, e a falta de comunicação é cada vez mais percebida em tempos midiáticos. O Urso com Música na Barriga narra as aventuras de um ursinho especial que se expressa pelos sons melodiosos de sua barriga e impressiona pela riqueza de seu enredo, pela engraçada peculiaridade de seus personagens e, sobretudo, pela forte mensagem de humanidade que carrega.

Dirigido pela atriz Arlete Cunha e montado pelo grupo Atimonautas, o espetáculo valoriza esse que é um dos mais importantes textos da nossa literatura infantil. A estória do livro é baseada no convívio dos animais do Bosque Perdido e a vida do Pequeno Urso, que é especial por se comunicar de uma forma inusitada, através da música que sai da sua barriga. “Esta característica foi essencial na escolha, pois vivemos momentos de intensos debates nas escolas e na sociedade sobre o preconceito, a discriminação social e o bullying” afirma o ator e manipulador Alberto Vermelho. Com forte apelo poético, inserida no fascinante mundo do teatro de animação a história traz motivos para reflexão sobre esses importantes temas contemporâneos.